Lúpus - Sintomas e Tratamento

São reconhecidos dois tipos principais de lúpus: o cutâneo, que se manifesta apenas com manchas na pele, geralmente avermelhadas ou eritematosas, principalmente nas áreas que ficam expostas à luz solar como rosto, orelhas, colo e nos braços e o sistêmico, no qual um ou mais órgãos internos são acometidos.

.

O lúpus pode ocorrer em pessoas de qualquer idade, raça e sexo. Porém, as mulheres são muito mais acometidas. Ocorre principalmente entre 20 e 45 anos. Além de acometer pessoas muito jovens e economicamente ativas, o LES é responsável pelo maior número de internações hospitalares na rede dentro da Reumatologia.

.

Os sintomas podem também variar de acordo com as partes do seu corpo que forem afetadas pelo lúpus. Os sinais mais comuns são:

Fadiga

Febre

Dor nas articulações

Rigidez muscular e inchaços

Rash cutâneo - vermelhidão na face em forma de "borboleta" sobre as bochechas e a ponta do nariz. Afeta cerca de metade das pessoas com lúpus. O rash piora com a luz do sol e também pode ser generalizado

Lesões na pele que surgem ou pioram quando expostas ao sol

Dificuldade para respirar

Dor no peito ao inspirar profundamente

Sensibilidade à luz do sol

Dor de cabeça, confusão mental e perda de memória

Linfonodos aumentados

Queda de cabelo

Feridas na boca

Desconforto geral, ansiedade, mal-estar

.

Existe tratamento mas não há cura definitiva para o lúpus, assim como outras doenças como diabetes e pressão alta (hipertensão). O principal objetivo do tratamento é controlar os sintomas e melhorar a qualidade de vida das pessoas com a doença.

.

A doença branda pode ser tratada com:

Anti-inflamatórios não esteroides para artrite e pleurisia

Protetor solar para as lesões de pele

Corticoide tópico para pequenas lesões cutâneas

Uma droga antimalárica (hidroxicloroquina) e corticoides de baixa dosagem para os sintomas de pele e artrite

Sintomas graves ou que acarretem risco de morte (como a anemia hemolítica, amplo envolvimento cardíaco ou pulmonar, doença renal ou envolvimento do sistema nervoso central) frequentemente necessitam de um tratamento mais agressivo com especialistas.

.

O tratamento para lúpus mais grave inclui:

Alta dosagem de corticoides ou medicamentos para diminuir a resposta do sistema imunológico do corpo (imunossupressores)

Drogas citotóxicas (drogas que bloqueiam o crescimento celular) quando não houver melhora com corticoides ou quando os sintomas piorarem depois de interromper o uso. Esses medicamentos têm efeitos colaterais graves, por isso o médico deverá monitorar o uso com muita frequência.

.

#syrius #syriusmedical #syriusmedicalgroup #saude #bemestar #responsabilidadesocial #hospital22deoutubro #itajuba #santacasadeitajubá #leme #araras #jacutinga #mogimirim #mogiguaçu #itapira #santos #sãovicente



3 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
whatsapp-logo-1.png